Horarios De Atendimento

Segunda 20 Hs - Mãe Ana e Pai Pequeno Pai Adilson
Quartas 20 Hs - Pai Ney e Mãe Hosana
Quintas - 20 Hs - Pai Afonso e Mãe Gislaine
Sextas 20 Hs - Mãe Sueli e Pai Joaozinho
Sabados 19 Hs - Mãe Sueli e Pai Joaozinho


Primeira Terça Feira - 20 Hs - Desenvolvimeto
Segunda Terça Feira - 20 Hs - Palestra
Terceira Terça Feira do mês - 20 Hs - Gira de Cura
Quarta Terça Feira do mês - Gira Cigana

Endereço - Rua Meciaçu 145 Vila Ipe - Campinas SP


quarta-feira, 6 de maio de 2009

CURIMBA NA UMBANDA




Por Jorge Scritori
Costumo perguntar aos irmãos Umbandistas:

- O que mais te chamou a atenção quando você pisou no terreiro a primeira vez?

Muitos respondem:
- O som, a música, as palmas, o atabaque...

Eis uma das grandes maravilhas da nossa religião, ela é musicada!

Música que mexe com os nossos sentidos e torna o trabalho muito mais prazeroso.

Mas sabemos também que não é somente música e sim um processo ritualístico que envolve som, melodia, ritmo e tempo.

Conhecer os fundamentos de uma Curimba é conhecer o funcionamento dos nossos trabalhos, pois um Ogã tem em mãos a chave de abertura e fechamento dos trabalhos espirituais, incluindo tudo o que acontece dentro do terreiro.

Você sabia:
- Que o Ogã possui ferramentas para a realização de rituais sacros como:
casamentos, batizados e coroações?

- Que o Ogã através do atabaque pode realizar um descarrego, corte de magia negativa e levantamento energético?

- Que através do canto e do toque bem direcionado o Ogã pode interagir e auxilar um médium com dificuldades na sua incorporação?

- Que para realizar um trabalho bem tocado o Ogã não precisa machucar ou sangrar as mãos?

Muitos são os parâmetros para se entrosar em uma Curimba, isso porque não adentramos aqui no universo dos toques e também na infinidade de pontos cantados que existem...ou faz cinco anos que você canta o mesmo ponto de defumação?!?!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Alguns textos, poemas e fotos foram retirados de variados
sites, caso alguem reconheça algo como sua criação e não
tenha sido dado os devidos créditos entre em contato.
''A intenção deste blog não é de plágio, mas sim de espalhar conhecimento..."
Joaozinho

paijoaozinho@terreirodavobenedita.com